sábado, 24 de março de 2012

COMO RESOLVER CIÚMES ENTRE IRMÃOS

COMO RESOLVER CIÚMES ENTRE IRMÃOS:

Ciúme entre irmãos

O que fazer quando o filho mais velho compete por atenção com o novo bebê

Ciúme entre irmãos — Imagem cortesia P&G
Os papais de segunda viagem já passaram por isso: como apresentar o mais novo integrante da família ao filho mais velho? E como lidar com o ciúme que, muitas vezes, acaba surgindo dessa novidade?
As crianças têm uma incrível capacidade de adaptação, mas é preciso ter paciência para introduzir novidades em suas vidas. É importante que os pais passem tranquilidade nesse momento. “As crianças confiam totalmente nos pais e, se eles mostrarem sinais de que algo está errado, elas vão se sentir inseguras também”, acredita Marcelo Reibscheid, médico pediatra do Hospital São Luiz, em São Paulo.
A apresentação deve acontecer ainda enquanto o bebê está no ventre. Deixe que o mais velho sinta a criança na sua barriga e inclua-o em toda a preparação para a chegada do irmão. Nada de dizer que os pais ainda vão gostar dele da mesma forma: isso vai gerar uma preocupação desnecessária, como se ele devesse competir por atenção.
Depois do nascimento, continue incluindo a criança nos cuidados com o recém-nascido e observe a reação dele. Alguns podem ficar mais chorões, enquanto outros ficam mais irritados ou até agressivos. Algumas crianças até retrocedem e podem voltar a querer mamadeira, por exemplo. Isso é normal e, se tiver dúvidas, não hesite em conversar com o pediatra sobre o assunto.
Outra medida interessante é reforçar como a amizade entre irmãos é única e especial. Conte sempre histórias sobre a amizade entre irmãos na família ou mesmo contos de fadas e livros que falem sobre o tema. E não estresse com as brigas: elas são normais entre irmãos. Mas incentive sempre que ambos façam as pazes.
A paciência é certamente a melhor coisa que os pais podem ter nesse momento. Com essas medidas, a criança vai gradualmente percebendo que não perdeu nada – ao contrário, a chegada do bebê somou algo para a família, e o ciúme vai diminuir.
Postar um comentário