segunda-feira, 26 de março de 2012

O Crente e a Universidade (Parte 3)

O Crente e a Universidade (Parte 3):
o-crente-e-a-universidade[3]
Filosofia e Religião
Pr. Walfredo Soares
prwalfredoA Bíblia Sagrada enquanto a Palavra de Deus que é, em momento algum diz ou transmite que servir a Deus e sofrer por amor a Ele, seja algo fácil. Embora nesse mundo contemporâneo que estamos vivendo, estejamos constantemente a ver e ouvir, sobretudo, através dos meios de comunicação, os mais diferentes tipos de doutrinas e costumes sendo defendidos, por aqueles que as vezes distorcem a Palavra de Deus, como se a mesma fosse ou pudesse ser manipulada; entretanto para àqueles que à examinam sob a direção e unção do Espírito Santo, percebem com muita clareza e evidência, que não podemos e nem tão pouco devemos, acrescentar ou diminuir o que já está estabelecido por Deus, no Livro Sagrado:''A Bíblia Sagrada'' - A inerrante Palavra de Deus.
O Senhor Jesus deixou muito claro em suas palavras, que o caminho era estreito, pois assim Ele disse: ''Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz a perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem''. (Mat. 7.13,14).
Isto significa dizer que o caminho para o céu, não é algo que se possa e nem tão pouco que se deva andar de qualquer maneira, mas que exige de todos os que realmente querem seguir a Cristo, um compromisso sincero com responsalidade e temor diante do Senhor, o que também significa uma vida de renúncia dos prazeres deste mundo, e para que haja esta renuncia na vida dos cristãos, temos que atentarmos para o que nos exorta o Senhor através da Sua Palavra.
Adentrar numa Faculdade de ensino enquanto cristão, não significa que vamos ter a nossa fé acrescentada ou diminuída, mas pode significar que vamos ter a mesma provada, no sentido dos confrontos que naturalmente surgirão no meio acadêmico; será um local aonde poderá se dar ou não a confirmação daquilo que antes em alguns lugares, e diante de pessoas do saber comum, e sobretudo na Igreja entre os irmãos professávamos a nossa fé. Porque não basta dizermos e falarmos ainda que bonito, mas faz-se necessário que demonstremos a nossa fé diante dos confrontos, quando formos confrontados com idéias e pensamentos diferentes.
São exatamente os confrontos com idéias e pensamentos diferentes dentro de uma Universidade que, a fé do cristão passará como que por uma purificação, e é exatamente esse momento em que uns passarão no teste, e outros lamentavelmente serão reprovados, não porque a faculdade os corrompeu, mas talvez por falta de uma estrutura sólida, para enfrentar as tespestades em meio ao deserto, porque a Palavra de Deus é quem dá vida e sustento ao crente, e sabemos que muitos que estão dentro da Igreja, não se interessam muito pelo conhecimento da Palavra, e um crente que não busca constantemente se apoiar na fé em Deus, e no Conhecimento de Sua Palavra, a tendência será quando for confrontado não resistir as pressões, e acabar cedendo na fé, chegando ao ponto até mesmo de negar a fé que antes professava.
Não deixe de ler o próximo artigo, pois daremos continuidade a este assunto.
_____
Pastor Walfredo Soares de Lima é lider da Assembléia de Deus em Itaú/RN, e licenciado em Filosofia pela UERN.


Postar um comentário