terça-feira, 24 de abril de 2012

ETIQUETAS TROCADAS

Você sabe o valor correto? Sabe quais são necessidades mais importantes? Trago-lhes esse texto para que possam refletir...

"Mas buscai primeiro o  reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas" (Mateus 6:33). 

Uma forte ventania causou certo dia, um grande alvoroço numa tradicional loja de departamentos. 

O gerente havia deixado as janelas abertas e o vento que por elas entrou soprou grande quantidade de etiquetas de preços que estavam prontas e ainda não colocadas, fazendo-as pousar em diversos artigos da loja de forma desordenada. 

No dia seguinte, os clientes ficaram surpresos ao encontrar meias a 49,90, ternos a 1,99, sapatos a 0,90 e um cachecol a 1.290,90! 

E a loja de departamentos de nossa vida? 
como a temos organizado? 
A que atribuímos altos valores e quais os artigos não temos valorizado? 

As pessoas que nos conhecem, que conosco convivem constantemente, encontram tudo em ordem ou a ventania da incredulidade tem feito trocas? 

Temos atribuído preços elevados às coisas materiais, incertas e passageiras ou, valorizamos o espiritual, crendo que ao lado de Deus todas as coisas são acrescentadas? 

Quando abrimos nossos corações e deixamos o Senhor nos dirigir, então podemos descansar e confiar que as bênçãos virão na hora e da forma de Deus. 

Quando nos apegamos às coisas desse mundo, perdemos o real valor das coisas importantes para nossa felicidade e supervalorizamos aquilo que nenhum valor tem. 

Precisamos parar de viver como se as etiquetas de preços estivessem trocadas!

O valor maior deve ser atribuído aquele que nos deu a vida...

JESUS CRISTO

Por diversas atribuímos valor maior a coisas matérias que nos dão felicidade momentânea que não acrescentam aprendizado em nada a nossa alma, saiba que o valor maior esta em Deus, as ações e atitudes que temos diante do próximo. Esta na hora de rever o real valor das coisas em nossa vida, pois as vezes o que tem um preço alto não vale nada e o que não tem preço vale muito mais.


Postar um comentário